Créditos de reciclagem conectam farmacêutica Teuto, Papirus e Polen
Projeto desenvolvido pela Papirus em parceria com a Polen rende frutos e conecta a farmacêutica Teuto ao movimento da economia circular por meio do acesso a créditos de reciclagem advindos da logística reversa de embalagens.

A Teuto acaba de se tornar a primeira indústria farmacêutica do país a utilizar em suas embalagens, o papelcartão Vitacycle, cuja composição conta com 30% de fibras pós-consumo – provenientes da coleta de embalagens usadas e descartadas pelos consumidores.  O cartão Vitacycle é produzido pela Papirus, que em abril deste ano fechou uma parceria pioneira com a Polen, com objetivo de incentivar a economia circular e incentivar que seus clientes também façam parte de um movimento em prol da sustentabilidade.


A adesão de fibras pós-consumo na produção do papelcartão Vitacycle permitiu com que pela Papirus adquirisse créditos de logística reversa junto às cooperativas de reciclagem por meio do sistema desenvolvido pela Polen e pudesse, então, compartilhar a titularidade desses créditos com alguns de seus clientes que optaram pelo papelcartão Vitacycle.  Na prática, isso  significa que clientes como a Teuto passam a ter acesso a utilização desses créditos de reciclagem que atestam a sustentabilidade da produção das embalagens e sua respectiva logística reversa.


Segundo reportagem publicada no portal Embalagem Marca, em apenas dois meses foram utilizadas aproximadamente 120 toneladas de papelcartão Vitacycle, que consumiu 48 toneladas fibras recicladas, das quais 36 toneladas são de fibras pós-consumo que resultaram em 40 milhões de unidades de embalagens para a Teuto.


O sistema de créditos de reciclagem utilizado pela Papirus é todo desenvolvido pela Polen, desde a homologação e auditoria das cooperativas parceiras até a  gestão das notas fiscais de pós-consumo que irão gerar créditos de reciclagem no sistema de blockchain. 


A Polen, cleantech especializada em solução e valoração de resíduos, opera todo o levantamento e catalogação das notas, o sistema de blockchain e o trabalho de certificação. A cleantech já tem catalogadas cerca de 800 empresas que geram material reciclado, além de recicladores, ampliando as possibilidades de utilização de resíduos de papel pós-consumo. -Embalagem Marca 

Parceiros unidos pela sustentabilidade





Créditos de reciclagem conectam farmacêutica Teuto, Papirus e Polen
October 28, 2021 6:05 PM
Projeto desenvolvido pela Papirus em parceria com a Polen rende frutos e conecta a farmacêutica Teuto ao movimento da economia circular por meio do acesso a créditos de reciclagem advindos da logística reversa de embalagens.

A Teuto acaba de se tornar a primeira indústria farmacêutica do país a utilizar em suas embalagens, o papelcartão Vitacycle, cuja composição conta com 30% de fibras pós-consumo – provenientes da coleta de embalagens usadas e descartadas pelos consumidores.  O cartão Vitacycle é produzido pela Papirus, que em abril deste ano fechou uma parceria pioneira com a Polen, com objetivo de incentivar a economia circular e incentivar que seus clientes também façam parte de um movimento em prol da sustentabilidade.


A adesão de fibras pós-consumo na produção do papelcartão Vitacycle permitiu com que pela Papirus adquirisse créditos de logística reversa junto às cooperativas de reciclagem por meio do sistema desenvolvido pela Polen e pudesse, então, compartilhar a titularidade desses créditos com alguns de seus clientes que optaram pelo papelcartão Vitacycle.  Na prática, isso  significa que clientes como a Teuto passam a ter acesso a utilização desses créditos de reciclagem que atestam a sustentabilidade da produção das embalagens e sua respectiva logística reversa.


Segundo reportagem publicada no portal Embalagem Marca, em apenas dois meses foram utilizadas aproximadamente 120 toneladas de papelcartão Vitacycle, que consumiu 48 toneladas fibras recicladas, das quais 36 toneladas são de fibras pós-consumo que resultaram em 40 milhões de unidades de embalagens para a Teuto.


O sistema de créditos de reciclagem utilizado pela Papirus é todo desenvolvido pela Polen, desde a homologação e auditoria das cooperativas parceiras até a  gestão das notas fiscais de pós-consumo que irão gerar créditos de reciclagem no sistema de blockchain. 


A Polen, cleantech especializada em solução e valoração de resíduos, opera todo o levantamento e catalogação das notas, o sistema de blockchain e o trabalho de certificação. A cleantech já tem catalogadas cerca de 800 empresas que geram material reciclado, além de recicladores, ampliando as possibilidades de utilização de resíduos de papel pós-consumo. -Embalagem Marca 

Parceiros unidos pela sustentabilidade





Fale Com a Polen