Ifood é o mais novo parceiro do Recicla Orla
Mais de 150 toneladas de resíduos já foram reciclados pelo Recicla Orla, a nova parceria irá garantir a expansão do projeto para todos os quiosques da zona sul da cidade do Rio de Janeiro.

O Recicla Orla é um projeto desenvolvido pelo Orla Rio em conjunto com a Polen.  O projeto garante a instalação, gestão e operação de pontos de entrega voluntária de materiais recicláveis (PEVs) em quiosques ao longo da orla sul carioca. O projeto entra em uma nova fase com um parceiro de peso, o Ifood, responsável por viabilizar a  expansão da iniciativa. 


O pontapé inicial desta fase de expansão do Recicla Orla foi dado oficialmente no dia 04 de junho com a instalação do primeiro PEV em Copacabana. Para celebrar a parceria, foi realizada uma ação de troca de resíduos por dinheiro com intuito de demonstrar na prática para o público em geral, que o material tido como lixo também tem seu valor comercial. Para cada um quilo de material reciclável entregue foi paga uma quantia de R$ 5,00 a quem depositou o material. A ação aconteceu no quiosque Botequim Carioca.


Atualmente, existem 24 pontos de entrega voluntária nos quiosques das praias de Ipanema e Leblon, por meio dos quais já foram coletadas mais de 150 toneladas de resíduos sólidos, evitando a emissão do equivalente a 86 toneladas de CO² no meio ambiente. Com a entrada do Ifood, que permitiu a expansão do projeto, todos os quiosques entre o Leme e o Mirante do Leblon funcionarão como pontos de coleta, aumentando para 56 o número de PEVs. 


O CEO e fundador da Polen, Renato Paquet, explicou: “Queremos devolver o protagonismo de cidade sustentável ao Rio de Janeiro. É o município que sediou a Eco-92 e a Rio+20, por exemplo, iniciativas de sustentabilidade global, que tem, portanto, esse tema como prioridade ao longo das últimas décadas. Além disso, precisamos cuidar das praias cariocas, um dos principais ativos não só da cidade, mas do Brasil”, afirma Renato Paquet.

A expectativa é que sejam recolhidas 200 toneladas de resíduos por mês após a instalação de todos os novos pontos de entrega e quando as praias voltarem a ser frequentadas como antes, com o fim da pandemia. 


Como funciona o projeto na prática

Todo o material coletado nos PEVs do Recicla Orla é reciclado, ou seja,  ele retorna ao ciclo de produção e evita uma maior poluição dos oceanos. Trata-se de uma revolução na maneira como os resíduos das praias e seu entorno são tratados hoje. Todo o processo de reciclagem é rastreável pela tecnologia blockchain da Polen, que permite que as empresas possam utilizá-lo para comprovar a realização da logística reversa e cumprir com a legislação em vigor. A plataforma desenvolvida pela Polen permite que tanto o cidadão que deposita seu lixo como as empresas que adquirem créditos de logística reversa, saibam o destino dos resíduos coletados e no que se transformaram.


Operação Recicla Orla

O trabalho do Recicla Orla é fundamental para manter a saúde dos nossos oceanos. Segundo dados das Nações Unidas, anualmente 1 milhão de aves marinhas e outros 100 mil mamíferos marinhos morrem pela ingestão de plástico ou emaranhadas nele. E não para por aí, cerca de 35 bilhões de garrafinhas de água acabam indo parar nos oceanos todos os anos, estima-se que 150 milhões toneladas de resíduos plásticos cheguem aos oceanos anualmente.

Guardiões da Orla

Esse segundo ano do Recicla Orla contará ainda com o reforço dos Guardiões da Orla, que farão um trabalho de sensibilização junto aos barraqueiros e às escolinhas de esportes, que têm papel fundamental na disseminação do projeto para mais frequentadores das praias. Cada barraqueiro e escolinha localizada entre o Leme e o Mirante do Leblon ganhará um bag do projeto para estimular a separação e o descarte adequado dos resíduos entre seus clientes e alunos, respectivamente. Periodicamente, esse bag será recolhido pelos guardiões e enviado para as cooperativas de reciclagem.

Faça como o Ifood, seja uma empresa que apoia o meio ambiente! Entre em contato com a Polen e saiba como a nossa tecnologia pode ajudar.

Ifood é o mais novo parceiro do Recicla Orla
June 8, 2021 9:38 PM
Mais de 150 toneladas de resíduos já foram reciclados pelo Recicla Orla, a nova parceria irá garantir a expansão do projeto para todos os quiosques da zona sul da cidade do Rio de Janeiro.

O Recicla Orla é um projeto desenvolvido pelo Orla Rio em conjunto com a Polen.  O projeto garante a instalação, gestão e operação de pontos de entrega voluntária de materiais recicláveis (PEVs) em quiosques ao longo da orla sul carioca. O projeto entra em uma nova fase com um parceiro de peso, o Ifood, responsável por viabilizar a  expansão da iniciativa. 


O pontapé inicial desta fase de expansão do Recicla Orla foi dado oficialmente no dia 04 de junho com a instalação do primeiro PEV em Copacabana. Para celebrar a parceria, foi realizada uma ação de troca de resíduos por dinheiro com intuito de demonstrar na prática para o público em geral, que o material tido como lixo também tem seu valor comercial. Para cada um quilo de material reciclável entregue foi paga uma quantia de R$ 5,00 a quem depositou o material. A ação aconteceu no quiosque Botequim Carioca.


Atualmente, existem 24 pontos de entrega voluntária nos quiosques das praias de Ipanema e Leblon, por meio dos quais já foram coletadas mais de 150 toneladas de resíduos sólidos, evitando a emissão do equivalente a 86 toneladas de CO² no meio ambiente. Com a entrada do Ifood, que permitiu a expansão do projeto, todos os quiosques entre o Leme e o Mirante do Leblon funcionarão como pontos de coleta, aumentando para 56 o número de PEVs. 


O CEO e fundador da Polen, Renato Paquet, explicou: “Queremos devolver o protagonismo de cidade sustentável ao Rio de Janeiro. É o município que sediou a Eco-92 e a Rio+20, por exemplo, iniciativas de sustentabilidade global, que tem, portanto, esse tema como prioridade ao longo das últimas décadas. Além disso, precisamos cuidar das praias cariocas, um dos principais ativos não só da cidade, mas do Brasil”, afirma Renato Paquet.

A expectativa é que sejam recolhidas 200 toneladas de resíduos por mês após a instalação de todos os novos pontos de entrega e quando as praias voltarem a ser frequentadas como antes, com o fim da pandemia. 


Como funciona o projeto na prática

Todo o material coletado nos PEVs do Recicla Orla é reciclado, ou seja,  ele retorna ao ciclo de produção e evita uma maior poluição dos oceanos. Trata-se de uma revolução na maneira como os resíduos das praias e seu entorno são tratados hoje. Todo o processo de reciclagem é rastreável pela tecnologia blockchain da Polen, que permite que as empresas possam utilizá-lo para comprovar a realização da logística reversa e cumprir com a legislação em vigor. A plataforma desenvolvida pela Polen permite que tanto o cidadão que deposita seu lixo como as empresas que adquirem créditos de logística reversa, saibam o destino dos resíduos coletados e no que se transformaram.


Operação Recicla Orla

O trabalho do Recicla Orla é fundamental para manter a saúde dos nossos oceanos. Segundo dados das Nações Unidas, anualmente 1 milhão de aves marinhas e outros 100 mil mamíferos marinhos morrem pela ingestão de plástico ou emaranhadas nele. E não para por aí, cerca de 35 bilhões de garrafinhas de água acabam indo parar nos oceanos todos os anos, estima-se que 150 milhões toneladas de resíduos plásticos cheguem aos oceanos anualmente.

Guardiões da Orla

Esse segundo ano do Recicla Orla contará ainda com o reforço dos Guardiões da Orla, que farão um trabalho de sensibilização junto aos barraqueiros e às escolinhas de esportes, que têm papel fundamental na disseminação do projeto para mais frequentadores das praias. Cada barraqueiro e escolinha localizada entre o Leme e o Mirante do Leblon ganhará um bag do projeto para estimular a separação e o descarte adequado dos resíduos entre seus clientes e alunos, respectivamente. Periodicamente, esse bag será recolhido pelos guardiões e enviado para as cooperativas de reciclagem.

Faça como o Ifood, seja uma empresa que apoia o meio ambiente! Entre em contato com a Polen e saiba como a nossa tecnologia pode ajudar.

Fale Com a Polen